sábado, 25 de fevereiro de 2012

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Clubinho do Carnaval até a Terça-feira

Recreadores, bailinho de Carnaval, brincadeiras, lanche e pediatra de sobreaviso. Tudo isso enquanto você brinca no Galo da Madrugada, no Sábado de Zé Pereira. Pensando nos papais foliões, a Casa D´Alegria criou o Clublinho do Carnaval, que vai funcionar no Bugaloo.
CONFORTO Crianças com segurança. Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem
A farra continua até a Terça-feira Gorda. O clubinho recebe crianças desacompanhas a partir de 3 anos. Antes disso, só com um adulto. Para mais informações: 81 9771 .1777.
Fonte: blogs.ne10.uol.com.br/social1

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Carnaval do Recife

Em fins do Século XVII havia organizações, denominadas Companhias, que se reuniam para comemorar a Festa de Reis. Essas companhias eram constituídas em sua maioria de pessoas de raça negra, escravos ou não, que suspendiam seus trabalhos e comemoravam o dia dos Santos Reis.
No Século XVIII apareceu o Maracatu Nação, chamado Maracatu de baque virado, que encenava a coroação do Rei Negro, o Rei do Congo. A coroação era realizada na Igreja de Nossa Senhora do Rosário (Igreja do Rosário dos Pretos).
Com a abolição da escravatura, começaram a aparecer agremiações carnavalescas baseadas nos maracatus e nos festejos dos Reis Magos.
O primeiro clube carnavalesco de que se tem notícia foi o Clube dos Caiadores, criado por Antônio Valente. Os participantes do clube compareciam à Matriz de São José, no bairro de São José, executando marchas. Seus participantes, levando nas mãos baldes, latas de tinta, escadinhas e varas com pincéis, subiam os degraus da igreja e a caiavam (pintavam), simbolicamente.
No Século XX o Recife já dispunha de diversas sociedades carnavalescas e recreativas, entre elas dois clubes (ainda hoje existentes): o Clube Internacional do Recife e o Clube Português do Recife, inicialmente denominado Tuna Portuguesa, além da Recreativa Juventude.
O carnaval de rua realizava-se nas ruas da Concórdia, Imperatriz e Nova, com desfiles de mascarados (os papangus e as máscaras de fronha).

Corso
O advento do automóvel trouxe um desfile diferente: o corso. Inicialmente composto por carros puxados a cavalo, depois os de tração a motor, os quais saiam do principal clube da cidade na época.
Os veículos eram ornamentados e os rapazes e moças desfilavam cantando marchas da época, acompanhados de fanfarras.
Inicialmente os participantes usavam jetons e laranja de

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Brincadeiras de Carnaval para Crianças

O carnaval é uma das melhores épocas para quem gosta de festa e as crianças não ficam para trás. Embora o carnaval em Portugal não seja muito cultivado como em outros países como o Brasil, é sempre bom brincar um bocadinho. E para animar ainda mais o carnaval, nada melhor do que algumas brincadeiras. Algumas delas podem ser até mesmo resgatadas da época em que o carnaval começou a se tornar uma festa popular.

baile-carnavalescoAs brincadeiras mais tradicionais do carnaval são os bailes realizados nos clubes, onde as pessoas se fantasiam e pulam carnaval ao som das músicas que são bem típicas da época. Mas se você quiser mudar um pouco pode resgatar algumas brincadeiras antigas.

1-Há muitas brincadeiras que podem ser feitas por exemplo realizar um bailarico de carnaval em sua casa ou na escolinha do seu filho. Para enfeitar pode usar as famosas serpetinas (rolos de fita de papel), o famosos confetes (papel picado em forma de pequeninos circulos), balões coloridos, e musical carnavalesca.

2-Outra boa brincadeira são as máscaras que são a marca registrada de todo o carnaval. É muito comum você ver todos mascarados nos bailes e nas ruas durante todo o período do carnaval, e certamente as crianças vão gostar de criar a sua própria máscara. Para confeccionar as máscaras você poderá utilizar lantejoulas, missangas, cartolina colorida, lápis de cor, giz de cera e muito mais, basta usar a imaginação.

3-Outra brincadeira que as crianças adoram, é pintar o rosto com tintas especiais, pode-se formar figuras interessantes como borboletas, fadas, corações, etc.

4-As fantasias carnavalescas também são bem vindas e você pode cria-las em sua casa reaproveitando algum tecido antigo, ou até mesmo uma roupa sua que já não tem muita utilidade; o importante é brincar a valer com os pequeninos.Utilizando-se ainda das fantasias você pode até mesmo organizar um concurso de fantasia na escola do seu filho, ou com os seus vizinhos!

Não se esqueça apenas de reunir uma boa turma, cuidar para que sejam brincadeiras seguras para todos, ver as melhores fantasias e sair por aí brincando e entoando as marchinhas famosas e que encantam todos.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Cuidados com as crianças no carnaval

Nesta época de folia e descontração, as matinês infantis são pura diversão, para que esse tempinho tão animado seja muito bem desfrutado, sem contratempos ocasionais, siga algumas dicas úteis:

Como escolher um local seguro para aproveitar o carnaval:
Primeiro escolha o local da matinê, dê preferência a lugares amplos e arejados, como campings, ou clubes.
Evite salões com escadas e janelas no segundo andar, se não tiver outra opção, repare se há proteção nas janelas, e anti derrapantes nos degraus das escadas, além do corrimão.Se a segurança não for adequada o seu trabalho será dobrado.

Como escolher a fantasia de carnaval adequada para as crianças:
Escolha a fantasia com antecedência, cuide para que seja confortável, evite tecidos sintéticos, que não permitem a transpiração adequada do corpo, causando desconforto para a criança.
Alguns tecidos causam alergia em contato com a pele, e devido ao calor poderá causar vermelhidões, um dessees tecidos é o tule, ou filó.
Lantejoulas e brilhos que se soltem facilmente da roupa, devem ser evitados, pois podem machucar os olhos, ou ir a boca da criança, principalmente no caso de crianças menores de três anos.
Evite fantasias longas ou cheia de babados, para que a criança não tropece e caia na hora da folia.
Prefira um calçado confortável como, sapatilhas e tênis,

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Festa Infantil de Verão no Recife


prato_rio_filmeInspirar-se no Verão pode render uma Festa de aniversário muito divertida, com ideias simples e práticas para aproveitar a estação. A primeira delas é fazer uma festa ao ar livre, no quintal ou à beira da piscina. A decoração deve ser rica em cores e ter um ar tropical, com balões e plantas como girassóis e coqueiros. Sucos e comidas leves, como mini sanduíches naturais e bolinhos, devem fazer parte do cardápio.
Como a festa é do lado de fora, a mesa pode ser mais simples e principalmente com os comes e bebes. Prepare-a numa área onde há sombra e mais distante da piscina. Invista em bandejas e embalagens coloridas para os doces, assim como fuja do branco nos copos e guardanapos.
prato_pequena_sereiaAlguns temas infantis para Festa tem tudo a ver com o Verão, como Princesas do Mar e Pequena Sereia para as meninas, e Piratas e Bob Esponja para os meninos. Outros temas, como Fundo do Mar, Rio e Procurando Nemo também são ótimas opções. Por isso, escolha o preferido do seu filho e faça a Festa!